O que é Logística de processos e qual a sua influência na gestão de obras

Você já ouviu falar em cadeia logística? Ela diz respeito ao corpo de fornecedores, insumos e suprimentos necessários para o desenvolvimento de um produto! 

Na gestão de obras, a cadeia logística é aplicada a todas as etapas de processos operacionais. De modo a reduzir custos, aumentar a produtividade e melhorar os resultados de entrega. Neste artigo, você vai conferir qual o impacto da logística de processos na gestão de obras, e como aplicá-la ao seu canteiro!

A importância da logística na gestão de Obras e os benefícios da "Construção enxuta";

No contexto do canteiro de obras, a logística de processos influencia diretamente parâmetros ligados à cadeia de abastecimento, estoque, fluxo de mercadorias e planejamento orçamentário. Tais fatores são essenciais para o desenvolvimento das atividades no setor de construção e garantem que todas as frentes de gestão sejam executadas com o máximo de precisão possível. 

Como carro-chefe da logística aplicada aos processos de obra, o conceito de "construção enxuta" visa, a apartir da ideia de um sistema de trabalho com foco total sobre o valor do produto final, aplicar estratégias que reduzam custos e desperdícios e aumentem a produtividade; gerando inúmeros benefícios para a sua gestão de obras. 

Aplicando a logística de processos ao canteiro de obras; 

Bom, até aqui você aprendeu o que é a logística de processos, qual a relação dela com a cadeia produtiva em obras e quais os benefícios de aplicá-la. Agora vamos para um ponto crucial: Aplicação na prática ao canteiro de obras!

Separamos a seguir os 3 principais setores em que a logística de processos deve ser efetuada; 

1- Layout de canteiro; 

Atenção: Por aqui irão passar todos os fluxos de trabalho efetuados no seu canteiro!

Sem dúvidas o Layout do canteiro de obras é um aspecto fundamental no desenvolvimento da logística de processos. O arranjo e planejamento correto do canteiro deve ser o primeiro ponto a ser pensado em uma gestão eficiente. É nesse espaço que irá ocorrer cada processo de disposição física como alocação de materiais, equipamentos, fluxo de entrada e saída de insumos e até mobilidade da equipe de trabalho. 

Para mapear de forma correta o Layout de canteiro do seu projeto, você deve levar em consideração; tempo de deslocamento dentro da estrutura do canteiro, espaço disponível, transporte e fluxo de entrada e saída de materiais e insumos. 

2- Estoque e Armazenamento; 

Como está o seu estoque hoje? Como você vem armazenando os seus insumos?

A logística de processos aplicada ao estoque e armazenamento correto de insumos, tem impacto direto na saúde financeira do seu projeto. Para gerir de forma correta esses dois pilares da logística de processos, certifique-se que você está de acordo com o Check-list que preparamos a seguir; 

  • Planeje os locais de estocagem próximo as áreas estratégicas para redução de distâncias e custos com transporte; 
  • Garanta que o seu local de armazenamento está de acordo com os parâmetros físicos e ambientais de qualidade; respeitando os limites de quantidade de pilhas e a separação correta de materiais por natureza ou tipo; 
  • Tenha controle de demanda; Os acessos aos dados de entrada e saída de materiais evita gastos excessivos e desperdícios de insumos. 

3- Logística reversa; 

A logística reversa não é necessariamente um setor específico da gestão de obras. Mas tem relação com absolutamente todos os processos e riscos envolvidos nos projetos construtivos. 

Bom, a logística reversa nada mais é do que a esquematização racional de todos os processos da gestão de obras, só que no setindo contrário ao usual. 

Pareceu complicado? Vamos ao exemplo:

Digamos que em meio a algum imprevisto, você precisou realocar seus insumos para outro local, ou, precisou desmobilizar a obra por um determinado tempo. É aí que entra a logística reversa. Ela será crucial para o planejamento e sistematização das atividades de encerramento de projeto, impedindo que haja atrasos, perdas substanciais ou impactos financeiros negativos. 

Vale salientar que essa técnica também deve ser aplicada para finalizações comuns de projetos, visando o retorno correto de itens ou insumos que por ventura não foram utilizados na execução da obra. 

Muitos pontos a serem pensados, não é mesmo?

Agora você deve está se perguntando; Como realizar todas essas integrações sem fugir do cronograma previsto  e sem perder tempo com documentos e papeladas? A resposta é simples!

O obrasnet permite que você agregue controle financeiro e operacional em um só lugar! 

Tenha o controle e a acessibilidade dos seus projetos, integrando qualidade de gestão e boas práticas contábeis a todos os processos logísticos das suas obras. Conheça a nossa plataforma e entenda como o Obrasnet pode ajudar você!

Comente

Deixe seu comentário